domingo, fevereiro 04, 2007

Dia D - 5 de Fevereiro de 2007

Conforme o combinado (e como o prometido é devido), aqui estou eu a lançar mais uma denúncia, de mais um crime ambiental na nossa Serra da Estrela.

Depois de “tanto barulho” que causou o post dos Esgotos da Torre, é chegada a hora de fazer uma nova denúncia em relação a outro esgoto.

Desta vez é a uma cota inferior, relativamente próximo da cidade da Covilhã, mais precisamente entre a zona da Varanda dos Carqueijais e caminho da Rosa Negra.

Para facilitar a sua localização recorri novamente ao Google Earth, a fim de que interessados, mirones e entidades competentes possam chegar até ele.

(clicar na imagem para ampliar)

Desta vez não vou optar por ironizar com este “achado”, acho que é algo demasiado grave com que se possa sequer mandar umas piadas.
Desta vez opto por mostrar a verdade nua e crua daquilo que é uma das coisas mais indignantes que encontrei pela Serra da Estrela nos últimos tempos.
Importa referir que esta denúncia, e consequente “investigação”, surge no seguimento de denúncias efectuadas por leitores do blog.
Se não publiquei antes esta notícia foi porque queria ter certezas do que iria encontrar in loco.
Assim sendo, convido o caro leitor a visualizar as imagens que se seguem (felizmente as mesmas não têm cheiro…):

Nota: avisam-se os leitores mais sensíveis que as imagens que se seguem podem ser chocantes. Se for o seu caso aconselho-o a fechar esta janela e abrir o blog www.maravilhasdaestrela.blogspot.com






Depois do que viu caro leitor, o que é que lhe passa pela cabeça?
Certamente se pergunta “de onde é que vêm esses esgotos?”
Pois é, foi essa mesma pergunta que eu me coloquei a mim mesmo, e por isso mesmo tive que voltar ao local novamente, para tentar perceber de onde é que provinham esses detritos e fiquei atónito quando descobri a origem dos mesmos.
Veja as fotos e fiquei tão estupefacto quanto eu:



Incrível... como é possível!!! Foi o que eu pensei…
Em pleno século XXI, em pleno Parque Natural da Serra da Estrela, em plena reserva da Rede Natura 2000, junto à cidade da Covilhã, haja detritos a serem lançados encosta abaixo impunemente.
E de onde é que vêm esses detritos, pergunta o caro leitor…
Pois é, a mim bastou-me seguir as “caixas de visita” desta pseudo-tubagem de esgotos para perceber de onde vinham.
Veja as imagens e aí tem a resposta:




Mas isto ainda não é tudo.
Depois de ter ido ver a “fonte emissora” restava-me ver onde é que estavam a ser recebidos esses mesmos esgotos.
Como tal, desci pela encosta abaixo, seguindo o rasto e acompanhado pelo cheiro nauseabundo dos esgotos.
Já próximo do caminho da Rosa Negra, o ruído do esgoto desaparece no meio de um silvado.
Conseguia-se ver mais uma "caixa de visita", mas nada mais.
Uma vez que estava próximo do caminho da Rosa Negra desci até lá e constatei mais este “achado”.
Veja as fotos:



Tubo de esgoto à superfície? Imagine que um dia destes um carro passa sobre aquele tubo… já se está mesmo a ver o que irá acontecer, não é?
E esta última “caixa de visita” foi reparada?
Como se pode ver, ao lado da mesma, ainda estão restos da que teria sido danificada.
Pelos vistos a que está mais acima não teve a mesma sorte, isto é, esta foi reparada enquanto que a de cima está a verter detritos encosta a baixo.

As perguntas que gostaria de colocar são:

Porque é que está(estava) esta(s) “caixa(s) de visita(s)” danificadas?
Será que a maneira mais fácil de resolver algum entupimento de algum tubo foi partir aquilo, de modo a que a “reparação” saísse mais barata?
E quem é que terá feito esse serviço?
Há quanto tempo é que estará esta situação assim a debitar esgotos pela encosta da Serra?

Finalmente:

Quem são as entidades que deveriam de denunciar estas situações?
Quem são as entidades que deveriam de resolver estas situações?
Quem são as entidades que deveriam de responder, perante a população e/ou justiça, em relação a estas situações?

Resta-me questionar o caro leitor, se depois do que leu e viu, vai continuar a beber água em fontes espalhadas pela Serra como eu costumava fazer até então…
Mais abaixo do local deste novo atentado ambiental existe esta fonte (junto à "casa do guarda"):

Acho que deveriam de ser já efectuadas análises à água, a fim de constatar que a mesma continua própria para consumo.
Eu bebi ali água algumas vezes, mas depois do que vi, julgo que nunca mais beberei água naquele sítio, e vou duvidar noutros. E você?

ps: Falta-me referir que o que pretendo com este post é apenas mostrar, uma vez mais, a outra realidade que a Serra da Estrela tem para nos mostrar.

12 comentários:

Rui Peixeiro disse...

Que bodega....
Como é possível isto na nossa Serra?

E não me venham dizer que o problema é a "tampa" estar partida, porque a água (leia-se merda) nunca la deveria chegar, se os tubos não tivessem entupidos.

Será que foi também um poste que caiu e que o mau tempo ainda não permitiu a sua reparação?

"O Padrinho" disse...

Upa upa... Qual será a desculpa desta vez?? Terá sido um poste?? Se calhar ainda te acusam a ti a dizer que tu é que partiste os tubos!!

Pedro n. t. santos disse...

Isto é o retrato de um país que estando mais rico (à custa do endividamento dos particulares, da banca, do Estado, etc.), apenas o fez em bens materiais e de ostentação...no caso de particulares, falamos de telemóveis, roupas de marca, viagens ao Brasil... no caso do estado, falamos de Estádios de futebol, das Expos e do que aí vem (Ota, TGV, etc.)

Mas, no fundo, em termos culturais e, em particular, no que concerne à educação cívica e ambiental, continuamos tão atrasados como há 30 anos atrás!

Este é o verdadeiro retrato do que somos...por de trás das aparências e das fachadas, a mesma sujidade mal-cheirosa!

Pedro n. t. santos disse...

Ps- Já agora, era bom que se investigasse qual o destino dos esgotos dos pseudo-chalés de montanha nas Penhas da Saúde...recorde-se que as linhas de água que por ali passam vão dar à Ribeira das Cortes (onde se prevê construir uma barragem para abastecimento público.

Ze_da_Quelha disse...

Enfim, mais palavras para quê...acho que as fotos descrevem mais uma vez a situação de degradação da nossa querida serra. O que me deixa ainda mais triste é saber que isto é uma parte mínima da porcaria que se passa na serra, sim porque muita mais há e está escondida.
Nem quero imaginar há quanto tempo o esgoto está a correr pela encosta abaixo mas não deve ser há 2 meses. Segundo sei a câmara faz captação de algumas nascestes para o abastecimento da rede pública, seria bom saber se alguma delas está nesta linha, pois isto pode ser um caso de saúde pública.

scorpio mab disse...

E PROVALVELMENTE SE INVESTIGARES UM POCO DO TERRENO ADJACENTE AO HOTEL DAS PENHAS DA SAÚDE, VERÁS K MUITO PROVALVELMENTE OS ESGOTOS TERÃO A MESMA SORTE,,,,,,,,HUMMMMM KUASE DE CERTEZA......

scorpio mab disse...

kero ver o k o senhor Costa pais tem a dizer sobre esta matéria.....á pois e tal e koiso, não tinhamos conhecimento de tal situação......ou então reporta as culpas para o Sr Fernando Matos e o PNSE, como fez na semana passada kuando atribuiu as responsabilidades do esgoto da TORRE ao PNSE.....
tenham vergonha, e são estes senhores responsáveis pela Serra da Estrela

ljma disse...

Cova Juliana, obrigado por mais esta denúncia.
Minicidades, telecabines, "observatórios panorâmicos" (na Torre), numa serra onde continua a haver poucas vergonhas destas?!
Pois sim!

new disse...

Eu desafiava nao so a verificar onde vao dar os esgotos dos chales e montanha mas tambem onde vai dar o esgoto do bunker que tá lá em cima na estancia. Aquela casota que acho que tem café e mais nao sei bem o que, que eu nunca lá cheguei sequer perto.
Agora caros responsaveis do PNSR, qual será a vossa desculpa?? E os jornais da zona? Nao encontraram nisto noticia tambem?? ;) Excelente trabalho, mais uma vez.

Tiaguss disse...

Esta merda (literalmente) revolta!! Andam estes ####### a explorar o turismo da Serra da Estrela e a trata-la desta maneira.

El Yorn disse...

Mais um excelente serviço público que o nosso Cova está a prestar à comunidade.
Sempre estou curioso para ouvir, por parte dos responsáveis, que "catástrofe natural" estará estado por detrás desta escandaleira!!!
"...Mas ò Sôtor, ali não passam postes de iluminação nem marcos geodésicos??? Como raio terá acontecido aquilo??
"... Bem; sabe, a não ser que algum turista tenha ali tropeçado e partido o vaso com a cabeça, não vislumbro mais nenhuma explicação plausível...

João disse...

Sem comentários...